27 de jan de 2009

VOLTA E MEIA



Minha vida anda dando voltas, ontem caminhei sem olhar. Ando meia cheia de todos, meio vazia de tudo, meio louca da vida. Dersarvoro, desatino, perambulo pelas ruas e me distraio em qualquer esquina. Preciso de senso enquanto acalmo os nervos. Meus erros não são de criação, é total tensão. Mas um dia ainda me conserto, me endireito, tentando fazer um festim perfeito. Um dia ainda vou ser dona de mim e vou achar graça dessa danada que ronda a minha cabeça com algumas certezas e infinitas desculpas....

9 comentários:

luliX pandaglia disse...

Suas palavras me afetam profundamente.
Embora cheia de todos (ainda bem que "volte e meia"rsrsrs)sinto saudades...
Segunda, no Corujão da DiVersos, li três poemas seus. Foi especial, pois de fato, o entendimento não foi apenas racional, mas visceral.
Aprecio muito a sua poesia.
bjs,

Moacy Cirne disse...

"Um dia", de repente, pode ser hoje. Por que não? Por que não?

Beijos.

Adriana Monteiro de Barros disse...

LU, QUE PENA QUE EU PERDI A CHANCE DE TE ENCONTRAR. TAMBEM ADORO SEUS POEMAS E FOTOS MAS GOSTO PRINCIPALMENTE EE VC!
BEIJOS E MUITAS SAUDADES.

Adriana Monteiro de Barros disse...

Moacy, pode ser hoje sim que as palavras me faltem mas não para dizer o quanto gosto dos meus amigos, um, deles vc!
bjs meu querido.

romério rômulo disse...

adriana:
sumiu?
romério

adrianna coelho disse...


volta e meia vamos dar!

dri, linda...

viajo amanhã, segunda estou de volta... vamos marcar alguma coisa.

saudade de vc!

beijos

p.s. a corrente era brincadeira, nãoe sperava que ningupem seguisse mesmo, por isso nem avisei... ahaha

Moacy Cirne disse...

Adriana: Você acaba de "cair" no Balaio. Um beijo.

Adriana Monteiro de Barros disse...

Olá Romério,

Tô sumida mesmo. Enrolada com o início das aulas do meu filhote. Ma qualque hora a gente se fala sim.

beijos

Adriana Monteiro de Barros disse...

Oi Moa,

que bom!!!Mais uma vez... tá me acostumando mal!

beijos