28 de ago de 2008

foto/ sebastião salgado
Retalhando-me crio uma colcha de poemas visuais.

Nenhum comentário: